terça-feira, 14 de abril de 2009

PARA CRIAR, É SÓ SAIR DA CRISE


Tô cheio de crise! Chega! Não se fala mais em outra coisa, já encheu o saco mesmo.
É crise financeira, crise amorosa, crise sexual, crise alimentar, crise de consciência, crise de idade, crise de identidade, crise existencial, crise política, crise, crise....
Na verdade, a crise é um tilte, sabe, aquela hora do branco onde você perde o fio da meada e diz que deu um branco, pois é.
Deu um branco na cabeça dos “pseudo” gestores da economia mundial, alguém em algum lugar deu um belo golpe em um setor que por efeito dominó foi derrubando outro e mais outro, até chegar a um ponto inevitável, o seu bolso.
Para momentos de crise elimine da palavra o “s” e então restará “crie”. Criar é a melhor opção, a melhor saída, a única iniciativa plausível e certa para se sair bem deste colapso.
Toda situação tem dois pontos de vista, no mínimo. Visualize sempre o melhor e você perceberá que conseguirá dormir mais tranqüilo e acordar mais confiante.
Doravante minha crise será só uma - a alérgica. Atchim!
Desculpe, é que acho que este assunto já tá ficando velho.

Nenhum comentário: