quinta-feira, 10 de março de 2011

A CRISE ESTÁ MAIS VIVA QUE NUNCA


Olhe, pra falar a verdade existem certas idades que são um marco na vida masculina. Todo homem tem em sua vida as famosas crises. Existe crise pra tudo quanto é gosto, crise dos 15 anos (quando a voz começa a mudar, aí se consegue falar fino e grosso ao mesmo tempo), crise de identidade (não sei o que quero ser na vida, até acertar a profissão..iiii), crise de casamento (umas com 2 outras com 7 anos e outras bem mais tarde, a dos famosos começa logo no primeiro ano), crise da meia idade do tiozinho (aquela – Hi meus cabelos estão ficando brancos ou, no meu caso, estou perdendo os cabelos), crise da envelhecência (aquele cinquentão que se veste com roupas de jovem para querer parecer mais novo e aí começa a freqüentar academia ou praticar esporte radical), isso sem falar que ele tem que se tocar e fazer o exame do toque (se o cidadão tiver tendência reprimida então, pode até se apaixonar pelo médico), crise dos 70, o cara só quer pegar menininha, aí doutor, tem que ter grana, é só no que elas pegam, você mesmo, só pega fila de farmácia pra comprar Viagra.

Já passei por algumas dessas crises, agora tô na crise do com dor, é dor de cabeça, dor nas costas, no pescoço, no joelho, nos rins. Ê tempo complicada essa reta dos 40. Acho que quando dizem que a vida começa aos 40, deve ser essa de ir ao médico quase todo mês.

Meu carnaval foi um tour pelas farmácias em busca de remédio para pelo menos tentar dormir bem. Enfim, a vida começa aos 40.

Um comentário:

Phoenix disse...

Só aos 40?? Não me parece...:P
beijinho*