quarta-feira, 28 de março de 2012

ESCOLHAS



Poder te querer é sonho
Mas não quero fazer disso um pesadelo
Afinal os sonhos são tão diferentes da realidade
E a realidade muitas vezes faz sofrer
Nunca foi de mim trocar o riso que brilha em teu rosto
Por lágrimas que  caem a te cortar por dentro
Quero ter a liberdade de agir, de escolher
Sem culpa, sem dor
Desejo imaginar que o momento eu e você
Seja leve como a nuance de uma cor
Sem mágoa, sem ressentimento
É como pecar mas não ser um pecador
Criança a brincar com fogo
Inocente ao perigo, sem noção do temor
Quero pensar que o amor é livre
E não engane, e não esnobe
Que seja o gesto mais bonito
Como dar o horizonte de presente ao olhar
é querer compartilhar,
por conhecer, por confiar
E que isso a mim importe
mas o que importa é te ter aqui
Coração e alma unicamente
Para nunca mais chorar assim
Para não ser mais tão ausente
Para não amargurar a vida
de um coração inocente
E matar minha paixão
antes que ela chegue ao fim
e nos dilacere o coração
Amemo-nos sem compromisso
renovando em meio a isso
o amor que é meio, fim
sem deixar de ser início.

Um comentário:

Juliana disse...

Escolhas mudam nossas vidas. !